terça-feira, 10 de janeiro de 2012

Que em 2012...

Que em 2012 tenhamos todos um ano repleto de realizações, com muita Paz, Amor, Harmonia, Perdão;

Que haja mais adimplemento e menos processos;

E se houverem conflitos, que sejam resolvidos pelas próprias partes com entendimento e consciência;

E se não for assim, que haja mais resoluções alternativas de conflitos, se utilizando da mediação ou da arbitragem;

E se mesmo assim não for possível, que só então seja o conflito levado ao Poder Judiciário, e que os magistrados consigam, além de dar a sentença, restabelecer a harmonia entre as partes, alcançando uma equilibrada transação;

Mas não alcançando este objetivo, que suas decisões sejam justas e imparciais.

Assim procedendo, que a parte vencida entenda o seu comportamento e não volte mais a praticá-lo, aprendendo a lição; ao vencedor, que não seja arrogante e prepotente com o vencido, humilhando-o;

Contudo, se ainda assim isso não for alcançado, que sejamos tolerantes e pacientes, caridosos com todos, entendendo sua condição evolutiva, e orando para que seus atos sejam voltados para o bem de toda a Humanidade.

E se atingirmos esse objetivo em 2012, que tenhamos a consciência tranquila de que cumprimos nosso dever como, além de operadores do Direito, Homens de Bem.

Fraternal abraço a todos,

Prof. Celito De Bona
Postar um comentário